17/07/2020 | Outros assuntos

Simesp participa de ato no Iamspe pelo pagamento de bônus por insalubridade


O Sindicato dos Médicos de São Paulo (Simesp) esteve hoje, 17 de julho, em manifestação por reajuste salarial, equipamentos de proteção individual (EPI) em quantidade e qualidade para todos, pagamento das gratificações e também contra a terceirização dos médicos no Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe). O ato aconteceu em frente ao hospital, na zona sul de São Paulo, e contou com a adesão da associação de funcionários e também do Sindicato os Trabalhadores da Saúde do estado (SindSaúde).

Os profissionais do Hospital do Servidor Público Estadual já vinham de uma crescente precarização e piora das condições de trabalho, durante a pandemia de Covid-19 (coronavírus) a situação se agravou. Médicos e outros profissionais da saúde foram realocados para o atendimento na linha de frente, em áreas que exigem pagamento maior de insalubridade justamente por representar grande risco aos trabalhadores, mas os bônus não estão sendo pagos.

Segundo o presidente do Simesp, Victor Dourado, neste momento de pandemia vemos que, em vez de os profissionais da saúde serem valorizados, eles são cada vez mais atacados em seus direitos. “A gente precisa sair dessa pandemia com um legado de pessoas se organizando para lutar pelos direitos dos servidores e dos profissionais da saúde”, enfatizou Dourado. O presidente do Simesp participou do ato que foi transmitido ao vivo pelo SindSaúde.

Se você é médico do Iamspe e não está recebendo o pagamento de suas gratificações e/ou adicional de insalubridade corretamente, entre em contato com o Simesp pelo telefone (11) 3292-9147, WhatsApp (11) 99111-5490 ou e-mail relacionamento@simesp.org.br.



COMPARTILHE ESTA NOTICIA


SIGA O SIMESP


CONTATOS

Assessoria de Imprensa

Nicolli Oliveira
(11) 3292-9147
nicolli@simesp.org.br


Redação

(11) 3292-9147
imprensa@simesp.org.br


NEWSLETTER

SIMESP - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS