21/10/2020 | Notícia Simesp

Semana do médico – Como podemos nos fortalecer?


Médicos e médicas têm sido fundamentais no enfrentamento à pandemia de Covid-19 (coronavírus). O Sindicato dos Médicos de São Paulo (Simesp) parabeniza todos os profissionais pelo seu dia. Mas os motivos para comemorar são poucos. Enquanto são aplaudidos pela população por seu papel fundamental evitando o aprofundamento da tragédia durante a pandemia, médicos são submetidos a contratações irregulares, cancelamento de plantões sem aviso, falta de equipamentos de proteção individual (EPIs) e dispensas não remuneradas em casos de infecção.
A aprovação da reforma trabalhista em 2017 acentuou a precarização do trabalho médico, multiplicou os empregos via pessoa jurídica, minimizou as vagas celetistas e impulsionou o aumento de contratações irregulares, tudo isso enquanto enfraqueceu os sindicatos e fortaleceu os patrões. Enquanto o Simesp tem lutado arduamente contra o achatamento de salários durante e por direitos trabalhistas para todos os médicos, independentemente do vínculo empregatício, durante a Campanha Salarial de 2020, os patrões oferecem reajuste muito abaixo da inflação e se recusam a incluir médicos PJs na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT). Eles, os patrões, estão unidos em prol deles mesmos.
Além disso, com o fim do ano se aproximando, o número de calotes tende a aumentar exponencialmente. É nesta época que médicos costumam reportar ao Simesp o não pagamento de décimos terceiros e vencimentos em geral.
O Simesp está do seu lado e quer lutar por você. Está na hora de dar nome àqueles que falham em prover o mínimo. Por isso, abrimos um canal para acolher de forma anônima essas denúncias e esmiuçar os excessos de cada empregador. Falta de EPIs, cancelamento de plantões sem aviso, contratações via WhatsApp, falta de pagamento e qualquer outro descumprimento às leis trabalhistas serão anexados a um dossiê que servirá de base para as ações do sindicato. Queremos garantir o seu direito a condições dignas de exercício da profissão, mas não podemos fazer isso sozinhos. Envie sua denúncia e nos ajude nesta luta. Só a união dos trabalhadores pode fazer frente à dos patrões.


COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA


SIGA O SIMESP


CONTATOS

Assessoria de Imprensa

Nicolli Oliveira
(11) 3292-9147
nicolli@simesp.org.br


Redação

(11) 3292-9147
imprensa@simesp.org.br


NEWSLETTER

SIMESP - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS