Home O SIMESP Serviços Financeiro Comunicação Notícias e Eventos Contato Links
Simesp
Área do Médico

Associe-se Atualize seus dados Faqs Certidão de Quitação
Comunicação
 


   Editoria: De: Até:    

30/11/2018
Residentes realizam manifestação durante festa do Emílio Ribas
 

SIMESP
Na manhã de hoje, dia 30 de novembro, a partir das 9h, os residentes do Instituto de Infectologia Emílio Ribas (IIER) se manifestaram durante festa do hospital contra a precariedade do trabalho. Faltam medicamentos, os profissionais estão há 40 dias sem tomógrafo, há dois anos o aparelho de ressonância magnética está quebrado, o número de ambulâncias é insuficiente e pacientes hospitalizados esperam há sete dias a realização de exames. Anualmente, a administração do Instituto de Infectologia Emílio Ribas (IIER) realiza uma soltura de balões vermelhos pelo Dia Mundial de Luta contra a Aids, dia 1º de novembro. Neste ano, a comemoração ocorreu um dia antes.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Médicos de São Paulo (Simesp), Eder Gatti, enquanto a administração do hospital tenta mostrar uma imagem de referência nos atendimentos, os pacientes sofrem. “O Emílio Ribas sofre com a má administração e subfinanciamento do SUS. A população precisa saber o que se passa nesse hospital tão importante”.

Eduardo Prevelato, Natália Amdi e Dyemison Pinheiro, residentes do IIER e organizadores do movimento, contam que grande parte do corpo clínico está insatisfeita com a precariedade do trabalho há muito tempo. “O pleno funcionamento do hospital é essencial para o diagnóstico e tratamento dos pacientes que vivem com HIV e doenças infectocontagiosas”, explica Prevelato.

As principais queixas dos residentes são:
- Aparelho de ressonância quebrado há dois anos e de tomografia há 40 dias;
- Faltam ambulâncias e as que existem estão em péssimo estado, além de operarem em horário limitado;
- Abertura de leitos de UTI sem número suficiente de funcionários para atender os pacientes;
- Não realização de exames laboratoriais por falta de insumos;
- Falta de medicamentos;
- Demora para a realização de cirurgias;
- Laboratório precário;
- Leitos interditados.

Siga-nos

Fan page: https://www.facebook.com/simespmedicos

Youtube: https://www.youtube.com/simespmedicos



Voltar



O SIMESP Serviços Financeiro Comunicação Notícias e Eventos Contato  Links
- Diretoria
- Regionais
- Estatuto
- Processo Eleitoral
- Perguntas frequentes (FAQ)
- Associe-se
- Atualize seus dados
- Assessoria Jurídica
- Processos online
- Campanhas Salariais
- Convenções Coletivas
- Cálculo de I.R.
- Homologação
- Banco de Empregos Médicos
- Banco de Imóveis da Saúde
- Mural de Devedores
- Simesp+
- Tipos de Contribuição
- Calendário de Cobrança
- Certidão de Quitação
- TV Simesp
- Revista DR!
- Jornal do Simesp
- Simesp Esclarece
- Movimento Médico
- Simesp na Midia
- Cultura e Arte

Sede: Rua Maria Paula, 78 - 1º ao 4º Andar | São Paulo - SP | Cep: 01319-000 | Fone: (11) 3292-9147 - | Fax: (11) 3107-0819